Jundiaí entrega Plano Diretor Participativo para a Câmara

O prefeito Pedro Bigardi fez, nesta terça-feira (17), a entrega do projeto de lei surgido do Plano Diretor Participativo para a análise da Câmara Municipal. O ato contou com a presença de delegados e técnicos do processo de construção coletiva em um auditório lotado e foi marcado pela recepção do presidente, Marcelo Gastaldo, e pela presença da secretária de Planejamento e Meio Ambiente, Daniela da Camara Sutti.

Foram mais de dois anos e meio de trabalho, mais de 170 reuniões e muitos trabalho de técnicos e da comunidade, especialmente dos 101 delegados envolvidos na versão final do projeto.

LEIA TAMBÉM
Plano Diretor Participativo entra na ‘quarentena decisiva’

 Entrega do projeto de lei em resumo dos trabalhos participativos, com Daniela, Bigardi e Gastaldo


Entrega do projeto de lei em resumo dos trabalhos participativos, com Daniela, Bigardi e Gastaldo

“A Prefeitura de Jundiaí respeita muito o trabalho parlamentar da Câmara e digo que pode haver divergências, mas o conjunto marca o desejo de todos os jundiaienses de ver uma cidade equilibrada, desenvolvida e justa. Trago o testemunho de que, em muitos anos de trabalho com planos diretores, esse é o mais rico de todos em seu planejamento e participação”, afirmou o prefeito Pedro Bigardi.

Auditório da Câmara esteve lotado, em grande parte por delegados do Plano

Auditório da Câmara esteve lotado, em grande parte por delegados do Plano

Todos os vereadores estavam presentes. Além do presidente, Marcelo Gastaldo, também Rogério Ricardo da Silva e José Carlos Dias compondo a mesa e mais Dirlei Gonçalves, Antonio de Pádua Pacheco, Eliezer Barbosa da Silva, Gerson Sartori, Gustavo Martinelli, José Adair de Souza, José Galvão Braga Campos, Leandro Palmarini, Márcio Pentecostes de Souza, Marilena Perdiz Negro, Nelson José Crepaldi, Paulo Malerba, Paulo Sérgio Martins, Rafael Antonucci, Rafael Purgato, Roberto Conde, Valdeci Villar Mateus.

“Como ex-deputado, tenho consciência do valor do debate que vai ocorrer a partir de agora, com a Câmara ouvindo novamente a sociedade”, acrescentou Bigardi.

A sessão contou ainda com muitos aplausos de representantes dos mais variados grupos sociais, atividades e bairros da cidade – inclusive contrários à proteção de áreas rurais e de mananciais de água proposta pelo plano. A democracia e a participação, mais uma vez, marcaram uma etapa do Plano Diretor Participativo de Jundiaí.

José Arnaldo de Oliveira
Fotos: Dorival Pinheiro Filho


Publicada em 18/05/2016 ▪ Leia mais sobre , , ,

Plano Diretor Participativo | Desenvolvido por CIJUN