Zona de Desenvolvimento Regional Rural

Zona de Desenvolvimento Regional Rural

capitulo 3

ZEIS – Zonas Especiais de Interesse Social
Moradia de população de baixa renda, compreendendo duas categorias (ZEIS 1 e ZEIS 2).

ZEIS



Os comentários para este texto já foram encerrados.

Quem já participou (2)

  • Gianlucca Hernandez disse:

    Zonas de desenvolvimento de corredores rurais:
    para zonas de desenvolvimento de corredores rurais, conter obrigatoriamente ciclovias e érea de trânsito não motorizado, como cavalos, carroças, etc.

  • Marcela Moro disse:

    A nomenclatura “turismo agrícola” não está correta e deve ser alterada para turismo rural.
    Define-se Turismo Rural, de acordo com o Ministério do Turismo, como o conjunto de atividades turísticas desenvolvidas no meio rural, comprometido com a produção agropecuária, agregando valor a produtos e serviços, resgatando e promovendo o patrimônio cultural e natural da comunidade.
    É interessante compreender-se a diferença entre Turismo Rural e Turismo no Espaço Rural.
    Entende-se o Trismo no Espaço Rural como um recorte geográfico, onde o Turismo Rural está inserido. Isto é, as muitas práticas turísticas que ocorrem no espaço rural não são, necessariamente, Turismo Rural, e sim atividades de lazer, esportivas, ou ócio de citadinos, que
    ocorrem alheias ao meio em que estão inseridas. Isto é, considera-se:
    Turismo no Espaço Rural ou em áreas rurais:
    “todas as atividades praticadas no meio não urbano, que consiste de atividades de lazer no meio rural em várias modalidades definidas
    com base na oferta: turismo rural, agroturismo, turismo ecológico ou ecoturismo, turismo de aventura, turismo de negócios, turismo de
    saúde, turismo cultural, turismo esportivo, atividades estas que se complementam ou não”. (GRAZIANO DA SILVA et al., 1998:14)

    (Fonte: http://www.turismo.gov.br/sites/default/turismo/o_ministerio/publicacoes/downloads_publicacoes/Diretrizes_Desenvolvimento_Turismo_Rural.pdf)

    Embora esta seja também uma atividade importante – que naturalmente tem potencial para geração de emprego e renda, – o foco nesta Zona deve ser o TURISMO RURAL.



Plano Diretor Participativo | Desenvolvido por CIJUN